Atualmente, a realização de exercícios físicos faz parte da rotina de pessoas saudáveis e que querem ter mais qualidade de vida. Nesse contexto, o CrossFit®️ tem se tornado uma modalidade com cada vez mais adeptos.

Os pontos mais importantes para uma boa performance estão embasados na nutrição, no descanso, na consciência corporal, em um bom preparo psicológico que inclui motivação para treinar e também em uma boa preparação física.

Hoje vamos nos ater na preparação física.

O condicionamento cardiopulmonar é a capacidade do sistema cardiovascular e respiratório de fornecer energia durante o exercício físico prolongado eliminando substancias da fadiga depois do fornecimento de energia.

Sabemos que a prática do CrossFit®️ reduz a frequência cardíaca em repouso e durante o exercício realizado. Os praticantes de maneira regular têm reduzida a sua pressão arterial promovendo alterações cardiovasculares benéficas. Além de melhorar o sistema cardiovascular o esporte auxilia na perda de gordura de forma significativa, assim como a musculação, ele desenvolve ótimo condicionamento físico, hipertrofia, força e resistência muscular, porém se destaca em relação as outras capacidades físicas.

O condicionamento físico é um conjunto de características fisiológicas das quais o indivíduo possui, ou alcança, que permitem a realização de diversas atividades físicas. O mesmo ode ser melhorado através das atividades esportivas, uma das formas de medi-lo é através do consumo máximo de oxigênio, conhecido como VO2.

O VO2 máximo é um sinal de como está o condicionamento físico do atleta, trata-se do volume máximo de oxigênio que o corpo consome durante o exercício físico. Quanto maior é o VO2 máximo, mais condicionado é o atleta. Vários fatores interferem na determinação do VO2 como idade, sexo, genética, etnia, composição corporal, nível de atividade usual e tipo de exercício.

Além de trabalhar com o sistema cardiovascular, o CrossFit melhora a resistência muscular, auxiliando na capacidade dos sistemas orgânicos de processar, fornecer, armazenar e utilizar energia; além disso trabalha a força, a flexibilidade, a coordenação, a agilidade e o equilíbrio.

Além de todas essas características, o CrossFit serve de bases para todas as modalidades esportivas

Dr. André Moro é cardiologista e médico do esporte. CRM/SP 90.486.

Trabalha como cardiologista no Centro de Reabilitação Lucy Montoro de Marília e como médico do esporte na AmanClinic. É presidente da Socesp – Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, regional Marília – biênio 2020/21.